fbpx

Estoque

Tipos de estoque: Qual o Melhor para sua Empresa?

Redação - FoxManager
Escrito por Redação - FoxManager em 16/12/2017
Tipos de estoque: Qual o Melhor para sua Empresa?

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Quem trabalha no setor de varejo tem diversas preocupações com as atividades administrativas que precisa desenvolver no dia a dia. A gestão de estoque é uma dessas tarefas, que merece atenção especial dos lojistas.

A qualidade do atendimento prestado aos clientes está diretamente relacionada com a gestão do estoque. Assim, é preciso identificar entre os tipos de estoque disponíveis, o que melhor atende ao seu negócio.

Conhecer sobre estoque, e como fazer a gestão correta, é importante para quem decidiu criar um CNPJ e iniciar um negócio.

Importância da gestão de estoque na empresa

A gestão de estoque deve usar metodologias desenvolvidas por especialistas em logística, que proporcionam maneiras de trabalho que podem ser adaptadas nas organizações. Para essa administração é preciso conhecer bem os tipos de estoque existentes.

Essas metodologias otimizam o trabalho e fazem com que o processo de armazenamento dos produtos e atendimento a demandas seja mais eficiente.

Já pensou como a má gestão de estoque pode causar prejuízos ao seu negócio?

Comprar demais gera estagnação. Já ter falta de produtos pode gerar perda de vendas ou de produção.

Além desse controle de quanto de mercadorias ou matérias primas se deve manter guardadas, é preciso saber interligar a logística e gestão de estoque com os outros setores da empresa. Por exemplo, um vendedor não deveria oferecer ao cliente um produto que não tem no seu estoque.

Com o uso das ferramentas corretas é possível fazer o controle de estoque. Pode-se afirmar que uma boa gestão de estoque ajuda no bom funcionamento da empresa.

Assuntos relacionados com os tipos de estoque

Além de conhecer sobre quais são os tipos de estoque, quem precisa melhorar a gestão de materiais e a logística no seu negócio deve conhecer alguns temas relacionados com a gestão de estoque. Dessa forma, veja alguns deles nos links abaixo:

Conheça os tipos de estoque

Quer saber quais são os principais tipos de estoque existentes e qual deles pode ser mais útil para a sua empresa? Portanto, siga a leitura e confira abaixo os 5 principais.

1. Estoque de antecipação

O estoque de antecipação é feito quando há oscilações de demanda de um determinado produto. Nesse caso, é comum ter tal produto armazenado na empresa, para fins de antecipação, como o próprio nome sugere.

A ideia é que a empresa se previna e deixe sempre em estoque máximo armazenado os produtos que têm grande circulação na loja.

A gestão de estoque deve usar metodologias desenvolvidas por especialistas em logística,
Redação FoxManager | Blog FoxManager | Conteúdo relevante e dicas para a gestão do seu negócio

Ou seja, evita que um cliente não encontre algo que deseja por falta de planejamento antecipado do estabelecimento.

2. Estoque de contingência

Esse tipo de estoque regulador é aquele utilizado para resolver situações nas quais podem ocorrer falhas nos sistemas operacionais na empresa.

Ou seja, em uma indústria, por exemplo, é comum que haja um estoque de contingência, ou estoque inativo, com produtos guardados.

Isso evita que, quando uma máquina estraga ou a produção é interrompida por qualquer motivo, a entrega não seja feita aos clientes.

3. Estoque em trânsito

O estoque em trânsito, por exemplo, é um dos tipos de estoque que pode ser transportado de um local para outro.

É bastante comum que essa maneira de armazenar seja adotada nos centros de distribuição de logística, quando os produtos são armazenados em caminhões que se deslocam, levando os materiais de um local para o outro.

4. Estoque de consignado

Existe também o estoque consignado, que pode ser observado quando uma empresa terceiriza o controle de estoque da organização.

Essa é a metodologia do cross-docking muito utilizada por empresas que possuem e-commerce. Em alguns casos, não possuem os produtos que comercializam na sua sede, por exemplo. Assim, atuam apenas como uma ponte entre o consumidor e o fornecedor, que fica responsável por estocar e entregar os materiais para os clientes.

5. Estoque de segurança

Em resumo, o estoque mínimo de segurança está entre os tipos utilizados pelas empresas que recebem pedidos inesperados com frequência.

A ideia é que ter produtos incluídos neste tipo de estoque de proteção para quando alguém fizer um pedido grande para empresa. Nesse caso, não haverá demora na entrega ao cliente.

6. Cross-Docking

O cross-dockingé uma forma de logística e gestão que tem como meta a redução do estoque a zero. Em um efeito dominó, ele acaba por diminuir um investimento desnecessário na compra de mercadorias.

Ou seja, não há aquisição de mais matérias-primas e produtos se não houver necessidade para a compra dos mesmos. Os gigantes do e-commerce mundial utilizam o conceito de cross-docking aplicados ao tipo de administração de vendas e entrega ao cliente. Tudo dentro de um fluxo de informações enorme.

Tipos de Cross-Docking

A estrutura de vendas em lojas virtuais é essencialmente a mesma, respeitando a cultura organizacional de cada uma. No entanto, a grosso modo o fluxo de vendas segue o mesmo roteiro.

O cliente faz a compra de certo produto no site, após a loja confirmar o pagamento emite um documento de despacho da mercadoria ao seu Centro de Distribuição. Esse por sua vez fica responsável por realizar a entrega dentro do prazo prometido.

  • Movimentação contínua: as mercadorias encomendadas são recebidas e despachadas pelo fornecedor de forma rápida. É a modalidade mais comum entre gigantes do e-commerce, e evita o acúmulo de armazenamento de produtos em seu estoque.
  • Movimentação consolidada: mercadorias são recebidas e logo separadas em grupos. Uma parte delas é destinada ao seu cliente final enquanto a outra parte é direcionada ao estoque para formar uma futura combinação com outros pedidos. Devido a essa característica ela também é conhecida por movimentação híbrida.
  • Movimento de distribuição: Esse tipo de cross-docking é adotado por empresas B2B. Nele, os produtos são recebidos e logo separados para serem distribuídos em caminhões de carga para entrega.

Conclusões

Por fim, conhecendo os diferentes tipos de estoque, você poderá se precaver de situações de risco. Bem como planejar as entregas de produtos aos clientes, seu espaço físico e outras atividades logísticas da sua loja. Vale lembrar que é sempre útil ter um software de gestão de qualidade para controlar o estoque em sua empresa.

Ei! Comente.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade