fbpx

Administração

Inventário de estoque e ERP: dicas para aumentar controle e evitar perda de produtos em empresas

Redação FoxManager
Escrito por Redação FoxManager em 06/08/2019
Inventário de estoque e ERP: dicas para aumentar controle e evitar perda de produtos em empresas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Uma das atividades que devem fazer parte da gestão dentro de empresas é o  inventário de estoque. Organizar e administrar os produtos estocados é uma das etapas que podem evitar perda de produtos e impactos negativos na realidade financeira do negócio. É de grande importância para qualquer empresa, seja ela de qual porte for, saber o que entra e sai de seu estoque. Uma ferramenta que auxilia neste controle é o sistema ERP, também disponível de modo online e gratuito.  

Não ter um controle efetivo de estoque certamente pode impactar de forma negativa a empresa. Gastos com reposição de produtos, manutenção, perda de vendas e clientes são exemplos de coisas que podem ocorrer em caso de má gestão de estoque. Por isso, fazer o controle, a contagem por meio do inventário é fundamental.

Benefícios da gestão de estoque 

Entre os principais benefícios da boa gestão de estoque estão:

  • otimização do espaço físico da empresa;
  • gestão eficiente do ciclo produtivo;
  • atendimento contínuo de demandas;
  • redução de custos e, consequente, aumento da margem de lucro;
  • melhor decisão de compras e ações de marketing;
  • determinação da saúde financeira do negócio;
  • redução de despesas e melhor aproveitamento de capital.

Como melhorar a gestão de estoque 

O inventário tem papel importante nos processos de controle dentro de estoques de empresas. Podemos classificar o trabalho direcionado ao estoque em três fases: registro, controle e gestão. 

Gestão de estoque em empresas deve contar com profissionais bem preparados para realizar o inventário de estoque e usar sistema ERP
Redação FoxManager | Blog FoxManager | Conteúdo relevante e dicas para a gestão do seu negócio Gestão de estoque em empresas deve contar com profissionais bem preparados

Na primeira é preciso fazer a classificação dos produtos. Já na segunda a fase de fiscalização, isto é, o controle de produtos e também da tributação que os envolve. A última fase é a análise estratégica e levantamento de indicativos para melhorias.

Tipos de inventário

Para classificar e controlar o estoque por meio de inventários é preciso conhecer os seus principais tipos:

  • Geral (identificação de todos os bens para uso na contabilidade e gestão de patrimônio);
  • Dinâmico (identificação de parte específica de bens); 
  • Anual (feito ao final do ano fiscal);
  • Rotativo e cíclico (feitos periodicamente, de acordo com a estratégia e necessidade de cada empresa).

Além dos inventários feitos com a finalidade de gerenciar o que há no estoque das empresas, dos produtos que foram adquiridos, confeccionados e devem ser vendidos, existe o inventário patrimonial. Ele se refere aos bens considerados permanentes dentro da empresa como: veículos, imóveis, móveis. Esse inventário auxilia previsões de compras, substituições e aquisição de novos bens

Mesmo com classificações diferentes, podemos dizer que o papel de todos os tipos de inventário é basicamente o mesmo: saber o que há de fato no seu estoque, ou dentro da empresa.

Fazer inventários e a gestão de estoques exige, além de atenção, o emprego de mão-de-obra qualificada e demanda tempo. Uma forma de melhorar a aplicação é o uso de ferramentas tecnológicas. 

Fazer o controle manual apenas com planilhas e anotações é coisa do passado. Hoje há ferramentas de gestão ideais para ajudar os profissionais que atuam nesta área. O ERP de gestão permite a interligação entre os setores diferentes da empresa. 

Como diminuir falhas no estoque? 

As falhas humanas podem se tornar presentes (e recorrentes) na conferência realizada nos estoques. Para evitar isso, é indicado utilizar metodologias inteligentes de gestão. Uma delas é a aplicação de algum ERP. Porém, você sabe o que é um ERP

O sistema ERP é um software que possibilita a gestão integrada entre os setores da empresa. Ele, que pode ser online e gratuito, otimiza tempo e reduz riscos de falhas.    

O ERP FoxManager permite um controle de estoque versátil e robusto, que atende aos mais modernos padrões de qualidade do mercado. Entre suas funcionalidades estão: Curva ABC, Estoque mínimo/máximo, múltiplos endereços, RFID, inventário cego, lote e validade. 

O sistema, que garante acesso grátis para até dois usuários, possibilita emissão de notas fiscais e boletos, controle contábil  e várias outras necessidades empresariais.  

A gestão moderna de empresas demanda a necessidade do controle efetivo dos estoques. Esse controle deve fazer parte da gestão integrada com as necessidades de outros setores, como o de vendas por exemplo, com finalidade de aumentar a lucratividade das empresas. 

Ei! Comente.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade