fbpx

Administração

Análise SWOT - Como fazer para conhecer seu potencial de negócio

Redação FoxManager
Escrito por Redação FoxManager em 29/11/2019
Análise SWOT - Como fazer para conhecer seu potencial de negócio

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Há muitas maneiras de se saber mais sobre sua própria empresa, onde ela está inserida e como fazer um planejamento estratégico responsável para o futuro. A mais utilizada por empresas do mundo todo utiliza a metodologia chamada de Análise SWOT. Aprenda como fazer!

Esse tipo de análise é feito para que se conheça melhor tanto o potencial quanto o que precisa ser melhorado na organização. Melhor ainda, a análise SWOT, ou matriz SWOT, pode ser dividida entre interna controlável, ou externa e fora do controle da organização.

A pesquisa consiste em levantar todo tipo de informação e dados possíveis da organização, suas concorrentes e o mercado em que elas atuam, para realizar um diagnóstico preciso.

Para gestão integrada e em tempo real use um ERP online grátis!

O que SWOT significa?

A sigla SWOT é proveniente da língua inglesa e junta as iniciais de quatro palavras:

  • Strength (Força);
  • Weakness (Fraqueza);
  • Opportunities (Oportunidades);
  • Threats (Ameaças).

É a maneira que se encontrou de medir quais sãos as potencialidades e pontos fracos que podem ser melhorados de cada organização.

É comum um empresário perder um senso de perspectiva mais profunda que apenas uma visão de quem está fora pode perceber.

No entanto, a análise SWOT pode ser feito tanto para ao que está ao redor da empresa quanto ao que está dentro da organização, seu público interno.

Por que fazer uma análise SWOT?

Desse modo, imagine poder destacar todas as características úteis sobre sua empresa para uma análise minuciosa do que pode ser melhorado e o que deve ser mantido.

Quer dizer que não adianta realizar qualquer planejamento estratégico futuro com projeção de vendas, postura da concorrência ou faturamento se eu, de fato, não conheço do que minha própria empresa é capaz.

Esta é a importância de conhecer as suas maiores capacidades, pois assim você saberá do que a empresa é capaz.

Faça a análise SWOT

Essa metodologia de gestão é indicada para empresas de todo porte. Caso não haja verba para contratar uma consultoria para realiza-la o micro e pequeno empreendedor pode, ele mesmo, fazer sua análise SWOT.

É importante ter em mente que as respostas devem ser honestas para se obter um resultado condizente a realidade. Portanto, é contraproducente que se esconda qualquer coisa.

As respostas ficarão nas mãos do próprio empreendedor que, em mãos da análise, pode traçar seus planos com maior autoridade.

Como fazer uma análise SWOT

Primeiramente é necessário reunir a equipe diretora para realização desta análise. Como já dito anteriormente, a sinceridade nas respostas é um predicado essencial para a análise.

A equipe reunida pode fazer um brainstorming e responder em um quadro as perguntas mais pertinentes que levem as respostas sobre as potencialidades, fragilidades, oportunidades e ameaças, a análise SWOT em sí.

Separadas em quatro colunas as respostas estarão dispostas para a reflexão dos tomadores de decisão da empresa ou organização, e assim poder traçar seus planos com maior autoridade.

Força

Ao se levantar quais as aptidões que tornam a empresa mais forte que outras de serviço/produto similar no mercado você encontra sua posição exata entre elas, onde se situa sua vantagem em relação aos outros.

Por exemplo, aqui estão algumas perguntas simples ajudam a descobrir isso rapidamente:

  • Quais atividades/produtos melhor realizados?
  • Quais os melhores recursos de minha empresa?
  • Qual minha maior vantagem competitiva no mercado?
  • Qual nível de engajamento/satisfação de meus clientes?

Sobretudo é importante se atentar que o fator Força é um dos aspectos dos quais a organização possui pleno controle, pois trata-se de um fator interno da organização. Ou seja, são coisas das quais ela pode mudar e aprimorar.

Fraquezas

Talvez seja a mais delicada das informações de ser levantadas. Pois as fraquezas de uma empresa são os pontos onde ela ainda deixa a desejar, os seus gargalos. Ademais é aqui que a sinceridade deve estar aflorada, e deve ser encarada com frieza, não como revanchismos entre setores rivais.

Contudo, os seguintes questionamentos podem ser desdobrados em outros:

  • Possuo mão de obra propriamente capacitada?
  • Existem falhas na capacitação? Quais?
  • Por qual motivo clientes escolhem meus concorrentes?
  • Onde falho ao conseguir engajamento de seus clientes?
  • Em qual etapa do processo está a falha?

Igualmente o aspecto Fraquezas também se enquadra como algo que a empresa ou organização possui controle, pois é algo de dentro para fora. Existe aqui a possibilidade de se rever processos e treinamentos e revertê-los, pois, só depende dela mesma.

Oportunidades

Pense aqui que temos uma etapa interessante que necessita de uma leitura do cenário político, econômico, mercadológico e social que possam representar oportunidades futuras que deem alguma vantagem para minha organização.

Toda empresa pode (e deve) investir em tecnologia para melhorar sua gestão.

Sabe como seu negócio pode ser beneficiado com uso de um sistema ERP online? Acesse o link para conhecer sobre as funcionalidades.

Assim, como posso me preparar e tentar tirar vantagem de certos cenários que se desenham num futuro próximo, a médio ou longo prazo?

É nesse ponto que a análise SWOT inclui os chamados fatores incontroláveis, que estão fora do alcance da empresa mas que podem afetá-la diretamente.

Ameaças

Enquanto isso, se cada organização tivesse um setor de inteligência próprio, com certeza ele ficaria a cargo de levantar pesquisas e informações.

Dessa maneira, o que se apresenta no ambiente em que a empresa está inserida que pode representar uma ameaça as atividades, e mesmo a existência da organização? Novamente, são um conjunto de fatores, ou algo isolado, que está além do controle da empresa, mas que são, ou podem representar ameaças.

Por isso, deve-se preparar para os cenários com fim de minimizar danos, ou de anular os mesmos:

  • Seu negócio depende de insumos com preço volátil?
  • A empresa será afetada caso haja alguma mudança na legislação atual?
  • O quanto uma crise econômica afetaria meu lucro?

Planejamento responsável

Logo, com as informações em mãos, será possível preparar-se da melhor maneira possível para o futuro. Mais ainda, uma preparação com argumentos sólidos e desenvolvida de maneira responsável e realista.

O maior mérito da análise SWOT é despir o empreendedor de qualquer fantasia de grandeza que afete enxergar sua organização pelo que ela realmente é, e até onde ela de fato, pode ir.

Por fim, lembre-se que esta metodologia pode ser empregada em qualquer estágio que a empresa se encontre, não importando seu tamanho ou tempo de existência.

Sua empresa precisa de gestão contábil, fiscal, financeira e de estoque, além de notas fiscais, boletos, ordens de serviço e relatórios? Dá para fazer tudo isso (e muito mais) de modo seguro e integrado. Basta usar um sistema ERP. Conheça mais sobre ele!

Ei! Comente.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade